É Possível Um Passageiro Sem Experiência Pousar Um Avião?

Fretamentos / É Possível Um Passageiro Sem Experiência Pousar Um Avião?

Mudar idioma: enEN (Inglês) pt-brPortuguês esEspañol (Espanhol)

Pode parecer enredo de um filme de ação, ser o pesadelo de quem tem receio de voar ou mesmo o sonho daqueles mais heroico ou corajosos: E se o piloto tiver algum problema que o impeça de comandar a aeronave, será que um passageiro sem experiência seria capaz de conduzir o pouso de um avião?

Casos Reais

Pois é, a situação parece fruto do imaginário dos roteiristas de Hollywood, mas se tornou realidade no mês de maio, no Aeroporto Internacional de Palm Beach, na Flórida (EUA). O piloto de um monomotor Cessna 208 passou mal e ficou inconsciente, obrigando um dos passageiros a assumir o comando e pousar o avião com auxílio das instruções da Torre de Controle.

Esse tipo de situação, conhecida em inglês como talk-down landing (algo como “pouso guiado por voz”, em tradução livre), conta com ao menos seis registros oficiais no século XXI, sendo possível principalmente graças à tecnologia ILS, ou Instrument Landing System.

O famoso sistema de pouso por instrumentos, em que sinais de rádio dão informações precisas sobre a posição horizontal e vertical da aeronave conforme ela se aproxima da pista de pouso, costuma ser usado em situações de baixa visibilidade, mas também pode ser útil em momentos de emergência em que o avião é comandado por alguém sem a devida instrução.

Só a Tecnologia Não Basta

Isso não quer dizer que realizar um pouso ou qualquer tarefa relacionada ao comando de uma aeronave seja algo simples ou totalmente automatizado. Mesmo os avanços tecnológicos, o conhecimento e a experiência de um piloto capacitado são fundamentais.

No caso da Flórida e até mesmo nos outros relatos oficiais encontrados mundo afora, não se tratava de passageiros comuns, sem qualquer contato com a aviação antes, mas sim de pessoas com interesse particular pelo tema, que já haviam se dedicado a aprender noções gerais de como pilotar e que contaram com uma boa dose de sorte, além da dedicação dos controladores de voo para realizar os pousos.

Dentro desse contexto, um dos aspectos mais importantes é a capacidade do piloto “interino” de se manter calmo, assim como dos controladores de passarem as instruções da maneira mais clara possível, sem deixar que o nervosismo tome conta da cabine.

Segurança em Foco

Mesmo que a tecnologia possa facilitar um pouco o manuseio da aeronave por pessoas sem experiência, pousar um avião é tarefa complicada. São muitos os passos e comandos a serem executados. Pessoas comuns podem ter dificuldade para encontrar no painel os dispositivos certos para serem utilizados.

A situação pode levar ao descontrole emocional ou mesmo a erros que – em questão de segundos – podem colocar tudo a perder. Realizar os comandos errados podem causar danos irreversíveis, especialmente considerando que a aeronave estaria sendo comandada por alguém sem experiência e incapaz de corrigir o próprio erro.

Dessa maneira, a resposta para a pergunta de título do artigo, é sim, mas a probabilidade de ocorrer um acidente é bem maior que a de sucesso. Vale lembrar que aeronaves comerciais contam com grandes tripulações. Segundo a legislação brasileira, somente são autorizadas a levantar voo com a presença de copilotos treinados para assumir o comando em caso de emergências.

Our Services: Fretamentos

See also

  • Relato de mais um voo internacional realizado pela Flapper com excelência

    See post
  • Flapper recebe o selo ARGUS Certified, tornando-se a primeira empresa certificada no Hemisfério Sul

    See post
  • Fretamento de helicóptero na Cidade do México e Toluca

    See post